Porque o multinivel é o negócio do século?

Esta semana, após apresentar um plano de compensação à um prospect, mais precisamente uma prospect, obtive a seguinte pergunta ao final de minha explanação: “Não acredito que pessoas estão ganhando todo esse dinheiro. É verdade?”.

Naquele momento passei a analisar porque minha abordagem estava causando uma sensação de incredulidade na pessoa do outro lado. As quantias astronômicas que os tops de minha companhia ganham não é exatamente onde foco minhas apresentações, porém, inevitavelmente, vez por outra esses números vêm à tona.

Então comecei a pensar se seria essa parte da apresentação que estava a causar espantos em minha interlocutora. A conclusão a que cheguei foi que o tamanho da oportunidade é que deixa as pessoas espantadas e incredulas.

Isso mesmo: o multinível é uma oportunidade sem igual, incompreendida e incomparável ao mesmo tempo. É verdade que as cifras astronômicas recebidas pelos tops do multinível deixam as pessoas boquiabertas, mas não é isso que as faz pensar que é tudo uma farsa, pois as apresentações são amparadas em documentos, fotos, vídeos, etc., que as tornam quase incontestáveis.

O que faz as pessoas não crerem num primeiro momento é o fato delas não conseguirem imaginar que tudo aquilo também lhes é possível.

“O Marketing Multinível é para todo mundo, mas nem todos são para o Multinível”

Pensei e repensei minha apresentação, mas optei por não mexer em nada. A única conclusão a que cheguei foi que esse negócio é realmente muito poderoso. E por estar aberto à qualquer um, é tão incompreendido.

Pensar que pessoas estão ganhando milhões partir de um investimento de algumas centenas de reais, num kit inicial, não é algo muito confortável aos padrões a que nossa razão está acostumada.

E não é uma alteração em minha apresentação que vai fazer mais pessoas “enxergarem a lebre do Marketing de Rede”. “Se você não conseguir ver com seus próprios olhos, não serei eu quem fará isso por você”, me disse um grande líder desse setor.

Só o MMN possibilita as condições de um grande negócio ao empreendedor comum

As horas que gastei analisando minha apresentação não me fizeram modificar o que eu já vinha fazendo, mas sim, enxergar de uma maneira diferente o solo onde eu estava pisando.

Ao mergulhar em pensamentos sobre o poder do multinível, eu compreendi que apenas esse setor permite ao empreendedor comum iniciar um negócio que conta com os atributos dos grandes empreendimentos da atualidade.

Diferentemente do tempo dos nossos avós, onde dizia-se que negócio bom era “algodão e boi, pois um vestia o homem e o outro enchia sua barriga”, estamos numa era onde a predominância é do virtual, do soft, das idéias.

Se analizarmos bem, as três maiores fortunas da atualidade são baseadas no conceito do virtual: Software (Bill Gates), Mercado de capitais (Warren Buffet) e Telefonia (Carlos Slim) e esses setores tendem a crescer cada vez mais.

Ambos estão lastreados no poder de uma “grande idéia” e contam com uma forte capacidade de duplicação. E o que tudo isso nos lembra? O Marketing Multinível. Porém, quantas pessoas no mundo dispõem de recursos para empreender nesses setores?

Assim, o MMN é uma possibilidade de empreendedorismo, altamente sofisticada, que contempla as particularidades dos maiores negócios da atualidade e está de portas abertas à qualquer pessoa.ponte-mutlinivel Atravessando a ponte da crença

Se você é distribuidor de alguma companhia de Marketing Multinível e ainda não se sente confortável em proclamar isso em alto e bom tom, tenho dois conselhos à lhe dar:

1 – Reflita sobre tudo o que leu acima. Pense que está num setor que assemelha-se aos mais cobiçados ramos da atualidade. E, melhor, lembre-se que além de estar nesse negócio, ainda poderá compartilhá-lo com quem quiser.

2 – Esforce-se ao máximo para ter convicção de tudo isso – e só então comece a trabalhar. Caso contrário, seu negócio não irá muito longe. Se você, que é um player da indústria, não acreditar que o Multinível é o negócio do século, quem mais o fará?

Para terminar, gostaria que deixasse seu comentário: você acredita em tudo isso?

25 COMENTÁRIOS

  1. Realmente suas publicações me viraram a chave, pois comecei no MMN ha alguns meses e ate antes de ler suas matérias aqui, me sentia primeiramente desmotivado, não por causa de meus uplines mas sim por causa de paradigmas que ainda me faziam desacreditar e estagnar no negocio.

    Você aborda assuntos diretos e esclarecedores pra quem deseja obter sucesso nesse ramo e sem estudo e auto desenvolvimento nada adianta.

    Lhe dou os parabéns e que prossiga com sua jornada, pois indiretamente estas a ajudar muitas pessoas, como me ajudou a visualizar e redirecionar as velas do meu navio para o local certo chamado sucesso!

    PS. Tiago Costa

  2. Parabéns pelo Blog, e para todos as pessoas que tiveram a visão! O nosso papel agora é levar essa oportunidade a milhares de pessoas e a ajudarem a enxergar que elas também são capazes ! estou nesse negócio, e cada dia que passa fico mais entusiasmado, chego ficar irado quando uma pessoa assiste a uma apresentação e simplesmente não goste! mesmo que isso seja normal. Mais tudo bem, Cada um tem seu tempo, desejo a todos os empreendedores muito sucesso e vamos juntos ao topo aproveitar tudo que esse magnífico mercado está a nos oferecer.

  3. Na minha opinião o que assusta as pessoas é o fato delas acreditarem que pessoas comuns, digo sem formação acadêmica, possam ganhar muito dinheiro fazendo um negócio não convencional.. A falta de informação desse tipo de negócio deixam as pessoas incrédulas para esse mercado. Seu blog tem me ajudado muito nessa questão, seus artigos mostram que com conhecimento podemos sim olhar para esse mercado com menos medo e com vontade de fazer a coisa certa.

  4. Muito bom o blog. Sou de Portugal e comecei há pouco tempo a trabalhar no negócio MMN. É uma empresa alemã virada para a Saúde e Bem-estar, com sede em Ahlen e que tem vindo a subir a cada ano, essencialmente pela qualidade superior dos seus produtos e pelo plano de negócios muito atrativo com compensações muito boas e um bom plano automóvel ( são os melhores clientes da Mercedes). Como todos, também tenho tido as minhas pequenas vitórias mas, sempre a pensar nas grandes que eu tenho a certeza irei alcançar com a ajuda dos meus parceiros. Mais uma vez, parabéns pelo blog. Já agora, a empresa está a pensar abrir no Brasil e garanto-vos vai ser uma bomba!!!

  5. Concordo plenamente com você.
    Eu sou novo nesse mercado e ainda não conseguir grande coisas, mas percebo claramente o potencial desse gigante que tem levado tantas pessoas simples, humildes a se tornarem gigantes.
    Parabéns

  6. gostei muinto de tudo que li nesse artigo emuinto bom saber que existen pessoas que entedan do mmn aponto de se apaixonaren como eu esse negocio esta mudando a minha vida acada dia espero que eu consigo passar esse conseito a amuintas pessoas e elas tambem muden suas vidas

  7. Pablo parabéns mais uma vez, acompanho seu Blog e sem dúvida é o melhor Blog sobre MMN que já ví.

    O MMN é o negócio do século pelo fato de que, as pessoas não querem mais trabalhar em um emprego formal sendo subordinadas à pessoas iguais a elas que querem ser melhores que elas, e também pelo fato das pessoas querem ser donas do seu próprio negócio.

    E sem sobra de Dúvida a melhor empresa para se trabalhar com o MMN é a Polishop.
    Plano de compensação incrível, ótimos produtos, marca forte, reconhecimentos sensacionais e muito mais… veja mais informações neste blog: http://multinivelpolishopcomvc.blogspot.com.br/

    Sucesso a todos!

  8. Qualquer projeto que fazemos na vida, temos que ter uma convicção, pois caso contrário, é tempo perdido. Em MMN não é diferente. Enquanto houver dúvida em relação ao seu negócio, se vc mesmo não acreditar que pode, como quer que seus amigos também acreditem.

  9. De acorado com sua explanação parece que apenas as clases Ae B podem fazer parte. Mas gostaria saber sua opnião sobre outros tipos de marketing que viabilizam a projeção de pessoas que jamais tiveram oportunidade neste setor. Não estou dizendo que não irão trabalhar,mais estou dizendo que hoje já é fato que outras pessoas que antes não podiam,agora podem mesmo com um salario minimo e sem se endividarem. Você acha que é possível que isto aconteça há um numero considerável de pessoa ?

  10. Seu comentário, Qaundo as pesssoas tomarem conhecimento da força MMN, o crescimento será astronômico, mas muitos acham que não vão conseguir ou acham que importunam outras pessoas, a força da rede é muito grande.
    Cada um tem que acreditar, mas não se iludir que dinheiro não cai do céu.

  11. uma vez que vc começa a estudar o multinivel,parece que se abre uma clareira diante dos seu olhos,seus sonhos tem uma chance de ser alcançados relmente de uma forma honesta e verdadeira…,mas nao esqueça de procurar uma boa ferramenta de trabalho,assim se tornará mais sólida.

  12. Olá!! Eu acredito mmuuiittooo!! nosso rendimento aumentou 4.000% em 12 meses de trabalho. Sou gerente Senior de uma companhia de m.m.n e em março no rally latino americano em cancun ja iremos como gerentes soaring!! é só trabalhar duro, estudar sobre essa profissao, agir com ética, crer em vc, na empresa, nos produtos, enfim…fazer por merecer!! Sucesso a todos!!

  13. Pablo, estou gostando muito das suas orientações.Eu tenho algumas experiências com trabalhos tradicionais, porém estou encantada pelo MMN. Sou novata no assunto, mas levo muito à sério, pois como na narrativa da lebre eu tenho uma meta e vejo nesse negócio uma grande oportunidade. Por isso estou me aprofundando e seus artigos teem me motivado bastante. Concordo plenamente com teu artigo. Ele me dá segurança para falar com as pessoas próximas que não entendem por isso mesmo não confiam, e confundem com certas coisas que há por aí. No meu blog, cito seus artigos pois os considero sérios e de fácil compreenção. Espero poder continuar desfrutando das suas explicações, tenho aprendido muito. Sem mail um abraço.

  14. Seu comentário eu tbem penso assim com vc nos multinivel temos que ter novo rumos com outra visao e ao mesmo tempo expandir nova visao,e ter alguns pilares bases; 1 ser honesto 2 se fortalecer 3 trabalhar em grupo pq isolado nao vamos a lugar nenhum, mas este ultimo e mais dificil queremos fazer tudo sozinho . parabens pelo seu artigo

  15. Ótimo artigo Pablo , aliás como todos que você coloca no seu Blog.
    Muitas pessoas tem realmente dificuldade em acreditar que existe um sistema chamado Marketing Multinivel , onde qualquer pessoa pode se tornar um Empresário (a) de Sucesso, com um investimento inicial relativamente baixo , onde não se precisa gastar com funcionários , ponto de venda , contabilidade , etc.

  16. Perfeito comentario,eu coloco meus anuncios deixando bem claro que se trata de MMN ,são poucas pessoas que respondem meu anuncio,mas aquelas que mee buscam ja sabem do que se trata e eu ja começo um relacionamento certo das grandes possibilidades de não estar perdendo meu tempo com curiosos.
    sucesso a todos

  17. Olá!
    Sabe oq acho? Que no Brasil a maioria das pessoas tem a visão muito limitada, elas simplesmente não enxergam ou não querem enxergar novas oportunidades, recém comecei o meu negócio em uma empresa de MMN mas sempre quis ter meu negócio e nunca tive uma grana alta para investir, foi no MMN que encontrei a chance de ter meu próprio negócio com baixo investimento. Mas quando convido outras pessoas para fazer parte da minha equipe, a maioria acha que esse negócio não funciona…um grande engano pois este é o negócio do futuro e quem está começando nisso agora, se tiver atitude, consistência e persistência será milionário em até 5 anos!

    Gostaria de algumas dicas suas também, pois sou novato no ramo. Qual a melhor forma de convidar as pessoas? Como definir se a pessoa é para este negócio? Pois quero montar uma rede sólida!

    Abração!

    • Obrigado pelo comentário, Anderson.

      Tudo o que você falou é a pura verdade. Quanto as suas perguntas, elas são bem pertinentes. A propósito, no início é bem comum que ouça conselhos do tipo “falar com o maior número de pessoas possível” e, como você mesmo disse, por ser preciso “definir se a pessoa é ou não para esse negócio”, pode ser que sair falando com todo mundo não seja a melhor estratégia. Mas, a verdade é que a qualidade sairá da quantidade, não tem como fugir disso. O que nos resta é aprender a trabalhar com a quantidade. Eu já vi pessoas se darem bem das mais variadas maneiras, então, é claro pra mim que não existem regras – nem tampouco fórmulas mágicas – portanto não vou te dizer “faça assim ou faça assado”, vou apenas fazer algumas observações que você deve levar em conta independente da estratégia que venha a adotar.

      Qual a melhor forma de convidar as pessoas?

      Com a utilização em massa da internet, um tema que está em alta é o “marketing de atração“. Não importa como exerça esse tipo de marketing, se na web, se pessoalmente, o importante é aprender a trabalhar com este conceito. Esta é, sem dúvida, a mais eficiente maneira de falar com pessoas sobre seu negócio. Você pode usar um botton e esperar que estranhos lhe perguntem de que se trata ou, com pessoas de seu relacionamento, simplesmente falar (de peito cheio e cabeça erguida) que está num negócio de MMN e esperar a reação delas. Ou seja, haja despretensiosamente quando convida. Se as pessoas se interessarem, se te pedirem mais informações, bingo! Se não, está tudo bem do mesmo jeito. Você acabou de definir se ela é ou não para o negócio. Esse tipo de atitude resolve uma série de problemas de uma só vez.

      Uma coisa que você não deve deixar de fazer de maneira nenhuma, antes de chamar uma pessoa à uma apresentação de plano ou evento, é deixar claro que se trata de uma empresa de MMN. Mais uma vez, se ela for ou não for, está tudo bem. Chamar sem se importar com a resposta é o segredo, assim você trabalhará com a quantidade sem perder muito tempo. O que pode ajudar bastante nesses casos são ferramentas como CD’s, DVD’s ou outros materiais que possam servir como filtro, como por exemplo este áudio, que utilizei num curso online que criei para minha equipe.

      Como definir se a pessoa é para este negócio?

      Como falei anteriormente, o próprio processo de trabalho dirá “quem é ou quem não é para o negócio”. Particularmente, você não tem como ser acertivo em pré-julgamentos e o tempo lhe mostrará que de onde menos espera virão casos de sucesso, ou virce-versa. Porém, todos temos um feeling para supor quem tem mais chances e, como aconselho, eu próprio invisto primeiro nessas pessoas. Não há como julgar, mas é fato que percebemos claramente que alguns não irão vingar, então quando tiver plena certeza disso, não perca seu tempo. Definitivamente, nesse caso, falar com a maior quantidade de pessoas não é o melhor a se fazer.

  18. Você pergunta se eu acredito??? Acredito que para se ganhar dinheiro ou muito dinheiro exige esforço, dedicação e persistência, pois nada cai do céu (Se alguem encontrar uma forma de ganhar dinheiro sem fazer nada, por favor, me fale).

    Então acho que respondi sua pergunta, porque em se tratando de MMN também tem de ter esforço, dedicação e persistência, embora seja totalmente diferente do modo tradicional.

    No MMN você pode se “aposentar” num período entre dois e cinco anos, acumulando uma quantia considerada de dinheiro ao longo desse tempo. Enquanto que no tradicional levaria uns 45 anos e ainda continuaria a trabalhar indiretamente após sua aposentadoria.

    O MMN é uma forma inteligente de se ter sucesso e uma qualidade de vida maravilhosa. E o melhor de tudo… esta disponível para todos!!

    Um grande abraço e sucesso a todos!!!

  19. Realmente, é impressionante a oportunidade que o marketing de rede oferece a todos. A oportunidade já é impressionante por si só, mas avaliando as condições envolvidas (sem funcionários, sem pesquisa e desenvolvimento, sem burocracia, sem contas a pagar, praticamente sem estoque, etc) a oportunidade fica ainda mais interessante.

    Para quem está considerando se juntar ao MMN, fica a dica de como avaliar o plano de compensação da empresa.

    • É isso, Marcelo. O Multinível, como falei no post, é incompreendido justamente por ser incomparável a qualquer possibilidade de empreendedorismo. E não é preciso nada além de uma análise de mente aberta para se chegar a essa conclusão. Muitas pessoas que hoje tem sucesso na área já tiveram um olhar reticente para essa indústria e, confesso, comigo não foi diferente. Mas, só serviu para, tempos depois, reconhecer que a falta de humildade para aprender sobre o assunto era a vilã, e não o MMN. É sempre assim: só não enxerga quem não quer.

O QUE VOCÊ ACHOU DESTE TEXTO?

Por favor insira seu comentário!
Por favor, coloque seu nome aqui